José Julião de Oliveira Carmo

José Julião de Oliveira Carmo nasceu no dia 9 de janeiro de 1878 em Passagem de Mariana, distrito do município de Mariana (MG). Trabalhou como contador em Santa Bárbara e mais tarde na cidade de São João do Morro Grande, hoje Barão de Cocais, onde estabeleceu-se como comerciante. Teve ao todo treze filhos, cinco do primeiro casamento e oito do segundo.

J.J. Oliveira, como ficou conhecido, foi presidente da Sociedade de São Vicente de Paula em Santa Bárbara, onde atendia com o maior carinho  todos que o procuravam. Cuidava de doentes,ministrando-lhes medicações homeopáticas adquiridas por ele no Rio de Janeiro.

Dotado de grande força e energia interior não deixava que ninguém ao seu lado desanimasse. Homem extremamente religioso foi irmão do Santíssimo, movimento católico formado por cristãos, trabalhou incansavelmente até seu desencarne. 

Honesto trabalhador, esposo e pai exemplar, sincero, criterioso, bondoso e caridoso JJ Oliveira dedicou grande parte de sua vida aos menos favorecidos do corpo e do espírito. Seus ensinamentos foram edificados no amor, honestidade, caridade e discernimento. Um de seus filhos, outro trabalhador ativo da seara Espírita se dedica à mesma obra deixada pelo pai.

Desencarnou  no dia 2 de janeiro de 1942 aos 64 anos de idade. Em seus últimos momentos rezou dois terços e no terceiro terço, no segundo mistério, exalou seu último suspiro entregando sua alma a Deus.

J.J. Oliveira é mentor espiritual de uma das equipes de visita aos enfermos da Fraternidade Espírita Irmão Glacus e sua presença espiritual muito inspira e fortalece nossa caminhada.