reunioespublicas inicialsite  ciclosite 2017 01 1  terceirodomingo2017 chamadasite 02  abrace essa causa 01  Doe online

O que é a FEIG

Predio FEIG Mluisa 00218 de agosto de 1976: essa data ficará para sempre marcada nos corações de muitos encarnados e desencarnados que batalharam para que um ideal se tornasse realidade. Essa é a data de fundação da Fraternidade Espírita Irmão Glacus.
Mas, o que é a FEIG? Poderíamos responder: uma entidade filantrópica; uma casa espírita... Conceitos que determinam, mas sob os quais está implícito o verdadeiro significado, expresso com clareza nas palavras do mentor de nossa Casa, Glacus Flamínius: “O compromisso da FEIG é com o ser humano.” Estampada na capa de nosso jornal, estampada no salão de reuniões públicas, essa frase reflete o significado maior de nossa Casa, traduzido em amor e caridade ao próximo todos os dias. Trabalho, essa seria uma possível resposta para a perguntar “o que é a FEIG”; trabalho com e para Jesus, talvez esta seja a resposta mais apropriada.

No dia 30 de setembro de 1976, teve início a primeira reunião pública da FEIG, nas instalações ainda emprestadas do Centro Espírita Amor e Caridade. Com o passar do tempo, ela se tornou pequena diante de tantas tarefas que apareciam todos os dias. Foi então que o Centro Espírita Luz, Amor e Caridade, hoje Francisco de Assis, cedeu suas instalações à Fraternidade Espírita Irmão Glacus, que por lá ficou aproximadamente dois anos. E as atividades continuaram a crescer e crescer.

Fazia-se necessária uma nova sede. Por orientação espiritual, os trabalhadores da primeira hora saíram em busca do local apropriado, e encontraram um galpão ideal situado à Rua Campos Sales, no bairro Calafate, em Belo Horizonte. No entanto, um dia, um incêndio pôs sonhos e esperanças abaixo... Temporariamente. Sabemos que quando os trabalhadores estão prontos, o trabalho aparece, e conta com o apoio da espiritualidade. Não faltou perseverança. Reiniciou-se a procura por um novo local, e por fim selecionou-se a Rua Henrique Gorceix, 30, bairro Padre Eustáquio. Os desafios eram muitos: construir um prédio de três andares sem recursos financeiros suficientes parecia impossível. Mas o trabalho operante angaria simpatizantes de toda ordem, encarnados e desencarnados. E aos poucos a Casa foi sendo construída...

Hoje, já temos a Fundação Espírita Irmão Glacus, e em 2008 a sede no Padre Eustáquio teve a alegria de inaugurar a primeira etapa de sua obra de ampliação, em que foram entregues 07 salas para evangelização, 01 sala para cursos, 01 sala de múltiplo uso com capacidade para 150 pessoas, consultório odontológico para 02 cadeiras de dentista, 02 consultórios médicos, enfermagem, farmácia, além de sanitários e local para banho dos assistidos.
São muitos os tarefeiros que por aqui passaram e passam todos os dias, e muitos que com certeza ainda virão. As sementes, mais do que lançadas ao solo, já se tornaram árvores frondosas em muitos e muitos corações assistidos por essa Casa que, em suma, poderia se resumir em uma única palavra: AMOR.