reunioespublicas inicialsite  ciclosite 2017 01 1  terceirodomingo2017 chamadasite 02  abrace essa causa 01  Doe online

Adelaide Gomes da Silveira

Adelaide GomesNasceu em Passos/MG, no dia 23 de junho de 1884, onde residiu à rua Grupo Escolar, hoje Cel. Neca Medeiros, até o seu desencarne.

Era filha de Joaquim Gomes de Sousa Lemos e de Francisca Carolina Gomes de Carvalho.

Em 18 de maio de 1889 casou-se em Passos, com Saturnino Amancio da Silveira Júnior, e dessa união nasceram quatorze filhos.
Apesar da prole numerosa, muitas outras crianças também desfrutavam do convívio desse lar e lá se alimentavam, vestiam e recebiam consideração e afeto.

O lema da sua vida era a caridade e fraternidade.

Seus recursos eram poucos, mas mesmo assim, não media esforços para ajudar o próximo.

Sua preocupação com os mais pobres e necessitados a fazia sair de casa, mesmo em noites muito frias, para levar comida, agasalho e o que mais fosse preciso a essas pessoas. Era querida e admirada por todos que a conheciam e a cercavam, era religiosa e possuía fé inabalável.

Seu poder de doação não conhecia limites e estava sempre pronta a servir a todos, até mesmo aos estranhos. Amava a todos os filhos com igualdade e os queria sempre junto de si.

Em 11 de janeiro de 1922, desencarnou no parto de seu décimo quarto filho, aos trinta e oito anos. No decorrer desse tempo, deixou marcas inesquecíveis de bondade, caridade e amor ao próximo.

Hoje, Adelaide Gomes da Silveira enfileira-se junto aos espíritos trabalhadores da Casa de Glacus, sendo mentora de uma das nossas equipes de visitas a enfermos.