Antal Schober


Antal Schober nasceu em 25 de junho de 1917 na cidade de Nagykanizsa (Hungria). Foi professor e desde cedo se interessou pelo espiritismo. Era disciplinado, afetuoso, desportista e organizado. Em 1945, no auge da Segunda Grande Guerra, conheceu Erzsi Schober, casada e com uma filha adolescente. Abandonada pelo marido com a filha ainda criança Erzsi foi trabalhar com a filha em espetáculos circenses e na promoção de espetáculos para os soldados alemães do front. Mãe e filha viviam um terror constante e tinham a coragem colocada à prova a todo momento, pois Erzsi ajudava a organizar a fuga de judeus do território do Reich para a Europa livre.


Após 1945 Antal Schober casou-se com Erzsi. Em agosto de 1950 vieram morar na cidade de Macapá no nordeste do Brasil. Antal era instrutor de defesa pessoal da Polícia Militar do Estado do Amapá. Chegou a Belo Horizonte dois anos depois , onde montou uma fábrica de aparelhos esportivos.


Antal Schober e Erzsi Schober sempre foram espíritas convictos e desde a chegada a Belo Horizonte sempre frequentaram e trabalharam em casas espíritas da capital, com ênfase no Centro Oriente. Participaram ativamente das atividades para aquisição de um terreno e para a construção da atual Fundação Espírita Irmão Glacus. Foi amigo inseparável de Ênio Wendling, Élcio e familiares. 

Desencarnou em 28 de dezembro de 1986.

Segundo relatos espirituais, Antal Schober teve estreito relacionamento de amizade com José Grosso e atualmente é Mentor da Equipe de Visitas nº 37 da Fraternidade Espírita Irmão Glacus.