Leonardo Baumgratz

Leonardo Baumgratz nasceu no dia 25 de maio de 1890 na cidade de Lima Duarte (MG) e residiu em sua terra natal desde a infância. Ficou órfão de mãe aos dois anos de idade.

Estudou até a segunda série do primeiro grau, pois começou a trabalhar no comércio muito cedo, só mais tarde passou a estudar por conta própria nas horas vagas. Nessa mesma época, em que voltou a estudar por conta própria, trabalhava na casa comercial de Francisco Ferreira da Paz Fortuna, cearense muito culto casado com uma professora de nome Raquel, e com eles aperfeiçoou seus estudos chegando a estudar até latim. Continuou por toda a vida a ser um autodidata, conseguindo uma cultura geral invejável.

Em 1913 prestou concurso para o cargo de escrivão da Coletoria de Lima Duarte, cargo que exerceu até 1937, quando veio para Belo Horizonte, como fiscal de rendas. 

Casou-se com Laura da Cunha e com ela teve três filhos Lenira, Laurinha e Lucínio. De mentalidade profundamente generosa e espiritualista tornou-se espírita em 1921 fazendo parte mais tarde da União Espírita Mineira. Foi também um dos fundadores do Abrigo Jesus, Casa de Assistência a crianças carentes, no bairro Padre Eustáquio (BH).

Com o falecimento prematuro da primeira esposa em 1922, casou-se novamente em 28 de junho de 1924 com Delmitina de Oliveira que lhe deu mais seis filhos Dulcídio, Delcides, Dinaura, Delauro, Dinalva e Dalmes.

Profundamente dedicado à família e ao trabalho inspirava grande respeito e admiração. Leonardo, bondoso e gentil como era, conquistou muitos amigos leais e companheiros. Teve uma família abençoada. Trabalhou para o Estado e em 1953 se aposentou.

Desencarnou no dia 9 de maio de 1968, pouco antes de completar 78 anos de idade.

Deixou exemplo de luz e bondade. Leonardo Baumgratz é mentor da Biblioteca na FEIG. 

RELATO espiritual. Evangelho e Ação, Belo Horizonte,Minas Gerais, p. 3, 30 jul. 2019. Disponível em: http://www.feig.org.br/banca/JEA_1991-07-08/Scaned_PDF.pdf. Acesso em: 7 maio 2019. (Adaptado)